Em tempos de Copa

24 06 2010

E a febre da Copa do Mundo continua firme e forte, e não é só pra mim que é apaixonada, pode ter certeza.

Seja você um maluco por futebol, ou daqueles que não dão a mínima pro esporte mais popular do mundo, a questão é que de uma forma ou de outra, todo mundo acaba sendo contagiado por esse clima do mundial.

Seja com músicas da Shakira, com as super produções cinematográficas dos comerciais da Nike, com o comercial simpático da Coca Cola da musiquinha que gruda na cabeça; em algum momento, no decorrer desse um mês de jogos, você já se deixou (ou ainda vai) contaminar pela euforia do evento. Afinal você foi englobado pela massa futebolistica, a Copa do Mundo esta em todos os lugares a sua volta, e digo isso literalmente, goste ou não, basta abrir um site, revista, jornal pra ver isso.

Nessa onda massiva de informações, musicas, comerciais, textos, conversas, vídeos e vuvuzelas não podia deixar o blog de fora, então esse é o post dedicado a febre do momento. E pra não ficar só nesse textinho babaquinha, vou deixar aqui mais um dos vídeos sobre a Copa.

Sei que todo mundo deve ter assistido ao super vídeo da Nike (nao viu ainda?! corre lá no youtube, o negocio é bom mesmo sério!), e a o comercial da Coca Cola passa a todo momento na televisão, por isso vou trazer um vídeo diferente.

Esse é um comercial da Pepsi, em parceria com várias carinhas conhecidas dos gramados; não teve muito destaque na internet e provavelmente não deve ter passado na televisão (pelo menos no Brasil), mas não deixa de merecer destaque. Eu particularmente gostei muito do vídeo, achei muito bonitinho, alem de transmitir bem o sentimento mundial e a alegria dos africanos.

Bom chega de falar, assiste aí e depois diga se gostou ou não.

E aí o que achou?!

– Fla





Clipeucê 18

23 06 2010

Opa, e ae beleza?

Perdão pela demora nas atualizações, mas mês de Copa do Mundo é difícil, ta a desculpa pode parecer meio esfarrapada, mas é sério, eu acompanho todos os jogos, sim todos!

Mas vamos ao que interessa né, o clipe de hoje é de uma banda pela qual mantenho uma apreço muito grande, acho que eu e o mundo. Já ouviu falar de alguém que não gosta de Foo Figthers?! Duvido! Que abomina todas as músicas?! Duvido! Que nunca riu, ou achou pelo menos engraçadinho, as ideias geniais dos clipes dos caras?! Duvido!

De Foo Figthers todo mundo gosta! E por isso é a banda de hoje.

Mas vou fugir do convencional, nada de Learn To Fly ou Breakout, gosto muito, mas não.

Dessa vez vai ser uma música que não caiu muito a modinha, e apesar de ser de 2007 é uma das mais recentes (em termos de músicas inéditas). E mais uma vez, porque é uma musica que eu curto MUITO. E por ser mais um dos clipes fanfarrões do Dave Grohl.

Então pra quem não conhece… ai vai.

Foo Fighthers – Long Road To Ruin


Agora, é torcer pra conseguirem trazer os caras pra cá nesse tal de woodstock brasileiro.

Especialmente pra você amada ruiva.

– Fla





Clipeucê Edição Extra

31 05 2010

Fim de domingo, na beira de uma represa.

Depois da bola fora de ontem (insanamente espontânea), cá estou, em edição extra super especial, para retalhar o momento e recobrar o bom gosto.

Elvis Costello – She

Com legendas em espanhol pra ficar mais bonito.





Acredite em si mesmo, você pode tudo.

25 05 2010

– Reis





Clipeucê 17

25 05 2010

Opa, e ae beleza?!

É o número 17 mesmo?! To meio confusa agora, mas enfim, se não for arrumo depois.

Muito tempo depois do post musical fanfarrao, vou mandar mais conciso hoje, prometo.

Sem mais enrolações, vamos a musica de hoje, Like a Stone do Audioslave, eu tenho certeza mais do que absoluta que é do conhecimento e do gosto de quase todo mundo. Mas não to aqui com a intenção de agradar os amiguinhos, e sim de mostrar o porque de achar essa música tão boa.

Bom, é do conhecimento que o Audioslave é uma junção de bandas, certo? Os músicos do Rage Against The Machine com o vocalista do Sound Garden. Essa junção, não foi bem vista, pela grande maioria dos fãs das outras duas bandas, o que é bem compreensível, o som das duas nunca foi nada parecido. Muita indignação por parte dos fãs, muitas criticas da mídia e muito rolo com duas gravadoras diferentes depois, com custo saiu o primeiro álbum do Audioslave.

Pra quem não conhece, recomendo que de uma pesquisada na historia da formação da banda, é interessante e uma grande confusão desde o começo. Mas não to aqui pra falar disso, graças as forcas cósmicas certas o álbum foi lançado e nele a musica em questão.

Like a Stone foi lançada em 2003, e 7 anos depois cada vez que eu ouço essa música, eu só consigo gostar mais dela, e por que?! Porque aos meus modestos, mas minimamente treinados, ouvidos é uma composição genial, e de uma leitura musical maravilhosa.  A criticada junção, para mim foi o que houve de melhor na musica. Nunca gostei muito do barulho desordenado e extremamente critico politico-social do Rage Agains The Machine, assim como tambem nao me ligava muito nas letras melosas do Sound Garden. O Audioslave reuniu o melhor das duas bandas, e Like A Stone é a melhor prova disso. E, de novo, por que? Simples, a linha de cada instrumento é bem delineada e marcada, da pra prestar atençao no som individualmente, o que é meio raro nas músicas hoje em dia, por mais que as composicoes sejam boas, nem sempre da pra distinguir todos os intrumentos ali presentes.

E aqui da, e como da, e é exatamente por isso que eu gosto tanto dessa música. A guitarra (a unica no mundo que tem esse som) do Tom Morello casa estupidamente bem com o timbre de voz maravilhoso do Chris Cornell; Tim Commeford (o maluco que escalou a decoração do palco no meio de um VMA) mantem uma base forte e bem marcada no baixo, da pra ser identificado o som durante a musica inteira, sem o menor problema; Brad Wilk, sem nenhum solo exagerado, marca a cadencia exata da composiçao.

Não vou ficar me extendo mais, porque eu realmente poderia ficar mil horas aqui dissertando sobre , enfim, curta a música!

Audioslave – Like A Stone

Demorei quase 4 horas pra soltar esse post.

– Fla





20 05 2010

a gente poderia ensaiar isso para o urraiá. #fikdik

-danny;





Jogaucê 4

17 05 2010

E ae Brasil?

Demorei  pra por outro jogo aqui, né?! Eu sei, mas esse eu acho que vai compensar essa minha falha.

Ta tudo bem que o jogo é meio velho, deve ter uns 3 anos já que eu joguei isso pela primeira vez, mas eu acho ele viciante até hoje.

Hot Dog Bush é o seguinte, o maluco ex presidente norte americano, ao sair da Casa Branca o senhor George W. Bush precisa de uma nova fonte de renda pra sustentar a família, bom e para os nativos norte americanos, vender cachorros quente realmente é uma solução pra renda. Sim, todo mundo lá sofre de uma tara inexplicável por hot dogs e lanches, feitos assim, na rua.

Você agora é Bush, na sua nova empreitada financeira, hot dogs! O jeito é mostrar habilidade, não deixando nada passar do ponto e queimar, e claro atendendo o mais rápido possível seus clientes rabugentos e famintos. Ha cada novo nível, um ingrediente novo vai sendo liberado para a montagem dos lanches, quanto mais rápido melhor! Mas também não vai deixar nada cru, a clientela vai pagar menos pelo seu serviço.

É isso, divirtam-se, correndo contra o tempo e olhares furiosos, montando lanches para o sustento da família Bush.

Pra jogar já sabe, só clicar ai em cima na imagem grande, o clica aqui mesmo.

Enjoy it!

– Fla